José Pereira dirige área de infra-estruturas na Noesis

O segmento de negócio é visto como linha relevante de crescimento pela empresa.

José Pereira passou a liderar, desde Maio do corrente ano, a equipa de “Infrastructure Solutions” na Noesis, unidade de negócio focada na oferta de soluções de infra-estruturas de TIC, compatibilização e optimização de sistemas.

O executivo conta com 18 anos de experiência na gestão e desenvolvimento de projectos de transformação digital, estratégia de TI, transformação de TI e serviços partilhados em operadores de telecomunicações na Europa, Médio Oriente e África, segundo um comunicado.

Mais informações aqui.

In Computerworld.

Mudam-se os tempos, renovam-se as estratégias das marcas

Mais do que personalizar em vários canais é fundamental que as marcas apostem naqueles em que o consumidor está presente, de forma a criar e estabelecer uma relação de proximidade e de confiança.

As novas tendências de comportamento dos consumidores, resultado da evolução tecnológica e social, marcam a forma como as marcas se devem posicionar no mercado perante os seus interlocutores. Ambiente, Responsabilidade Social, Ética, Mobilidade, são alguns dos temas atuais aos quais as marcas devem responder. O surgimento de uma multiplicidade de canais, o desenvolvimento das tecnologias de informação e comunicação e a evolução dos modelos de interação daí resultante aumentaram o potencial da personalização, e as empresas tiveram que se adaptar e reinventar para responder às novas tendências e desafios do mercado, fortemente competitivo. Renovar estratégias torna-se inevitável.

Mais informações aqui.

In Jornal Económico, por Filipa Montalvão, Partner da White Brand Services.

PHC Software é a tecnológica mais feliz

Na sexta edição anual do estudo Happiness Works, a PHC Software foi distinguida como a empresa tecnológica mais feliz em Portugal, sendo a única representante do sector nas 10 mais felizes.

A iniciativa tem como finalidade distinguir as empresas que alcançam uma maior satisfação dos seus colaboradores com as suas lideranças. Os resultados da participação recorde de mais de quatro mil respostas de 150 empresas, apontam para uma maior confiança global dos profissionais nacionais no futuro.

“Esta distinção enche de orgulho toda a PHC. Tem um sabor especial porque é o reconhecimento do investimento que fazemos na atitude para a felicidade, com uma cultura organizacional profissionalizada e que permite que todos os PHC sejam realizados a fazer o seu trabalho”, afirma o CEO da PHC Software, Ricardo Parreira.

Mais informações aqui.

In Human Resources.

 

 

Ábaco Consultores atinge novo marco na facturação

A Ábaco Consultores anunciou, em exclusivo ao Dinheiro Vivo, volume de negócios no valor de 12 milhões de euros. Recrutamento está na agenda.

13 anos depois da sua criação, a consultora portuguesa terminou o ano com uma faturação recorde e tem recrutamento na agenda.

A Ábaco Consultores atingiu um novo marco na faturação do ano passado: 12 milhões de euros. Este valor representa um crescimento de 28% do volume global de negócios das operações na empresa com presença em Portugal, no Brasil e, desde 2016, na Suíça e no Reino Unido. A consultora – que tem vindo a alargar a sua oferta para novas áreas de negócio – oferece soluções SAP nos sectores da engenharia, retalho e moda, construção, indústria alimentar, automotive e manufacturing.

“Acreditamos num crescimento sustentado. Tivemos um fantástico ano mas vamos apostar numa gestão eficiente do capital investido caso contrário corremos o risco de perder o fundo de maneio”, precisou João Moreira.

Mais informações aqui.

In Dinheiro Vivo.

Pagamentos móveis em lojas físicas e online

Cartões, talões, dinheiro…tudo guardado no seu telemóvel sem necessitar sequer de levar a carteira consigo. Para poder pagar sem cartão ou dinheiro, basta apenas aceder a uma das aplicações disponíveis no mercado, como a SEQR e MB WAY.

Existe uma vasta lista de lojas físicas e online (disponíveis nas páginas oficiais destas aplicações) que já aderiram a este tipo de serviço. Sem cartão ou dinheiro, como se faz o pagamento? É simples! Através do código QR ou tecnologia contactless (NFC), presente em já 30 milhões de terminais de pagamento em todo o mundo, como refere a Manager de Marketing da SEQR Beatriz Loureiro.

Mais informações aqui.

In i9 Magazine.

“O que importa na BI4ALL são as pessoas e são elas que fazem o negócio”

O Link to Leaders entrevistou José Oliveira, o CEO da BI4ALL, uma empresa portuguesa de Business Intelligence que, prevê, facturar, em 2017, perto de 10 milhões de euros.

Desde 2004, a BI4ALL trabalha com um número crescente de empresas para implementar soluções de Business Intelligence, que permitem o acompanhamento diário dos seus objetivos, encontrar novas oportunidades de negócio, reduzir riscos, reorganizar recursos e melhorar a eficiência operacional. Como resultado, desenvolve uma vasta experiência na capacidade de resposta ao conjunto específico de desafios e requisitos de negócio de diferentes setores.

A BI4All nunca viu o seu negócio crescer a menos de dois dígitos. Depois dos 5.2 milhões de euros registados em 2015, no ano passado faturaram 7 milhões. E 2017 não será diferente, segundo o CEO da empresa, que aponta para os 10 milhões de euros.

Mais informações aqui.

In Link to Leaders.

 

Ábaco Consultores aposta na formação como uma nova linha de negócio

O processo de digitalização que as organizações têm operado nos últimos anos revelou um problema que não parece ter um fim à vista: a procura por profissionais qualificados na área das tecnologias é superior aos profissionais disponíveis para contratar. Em 2020 Portugal deverá ter falta de 15 mil profissionais de TI, valor que será de 810 mil na restante União Europeia.

Fruto deste cenário, nos últimos meses têm surgido várias iniciativas de requalificação profissional e também de formação avançada para que mais pessoas possam aproveitar as oportunidades que estão a surgir. A Ábaco Consultores é a mais recente empresa a fazer um movimento nesta área, tendo anunciado uma divisão de formação profissional que será a sua nova área de negócio.

«Para nós é extremamente gratificante poder proporcionar a estes jovens uma entrada sustentada no mercado de trabalho, estabelecendo uma ponte entre o que aprendem nas universidades e o que é realmente o mercado de trabalho», refere em comunicado o diretor da Abaco Training Academy, Nuno Carvalho.

Mais informações aqui.

In Ntech.news.

Indústria 4.0: uma oportunidade

A Indústria 4.0 está no centro da agenda de todos os decisores do setor tecnológico. Enquanto os fornecedores procuram avidamente apresentar um portefólio para responder a este desafio, os clientes, por sua vez, procuram casos de uso onde o valor investido apresente um retorno que justifique o investimento.

O grande desenvolvimento no contexto tecnológico tem permitido um aumento exponencial na eficiência de uma série de diferentes áreas operacionais no setor da indústria. Principalmente com a capacidade de criação de um infinito número de fontes de dados através da Internet of Things, do processamento da informação com ferramentas de Big Data e do desenvolvimento da inteligência artificial (ainda em crescimento: a realidade aumentada, a impressão 3D ou a robótica).

Mais informações aqui.

In PME Magazine, por Nelson Pereira, CTO Noesis.

BI4ALL marca presença no mais prestigiado evento anual de “Big Data Analytics” do Reino Unido

A BI4ALL marca presença no “Big Data Analytics”, no dia 22 de junho, em Londres. Este evento constitui o principal fórum para debater este tema de extrema importância para as grandes empresas europeias e mundiais.

Este evento contará com decisores de grandes empresas e apresentará a visão de líderes sobre implementações de Big Data e Analytics que ajudarão a obter novas ideias e alavancar os dados para vantagens competitivas.9

Mais informações aqui.

In Portugal Global.

O que a tecnologia pode mudar

Segundo Alexandre Nilo Fonseca, diretor executivo do MUDA – Movimento por uma Utilização Digital Ativa, os responsáveis empresariais devem assumir o objetivo da paridade como uma prioridade da sua gestão.

A tecnologia desempenha um papel de crescente importância nas sociedades atuais, existindo uma ligação direta entre o nível de utilização de tecnologias de informação e a competitividade das respetivas economias. Não surpreende assim que os países do norte da Europa registem o melhor desempenho entre os seus pares da União neste domínio. Portugal situa-se abaixo da média europeia, embora esteja bem posicionado quanto à existência de serviços e infraestruturas tecnológicas ao dispor da população, o que significa que temos o potencial de rapidamente melhorar a utilização digital sem necessidade de investimentos avultados em tecnologia.

Mais informações aqui.

In Executiva, por Alexandre Nilo Fonseca, director executivo do MUDA.

1 5 6 7 8